Bloqueio pela Razão

Hoje tentei escrever.
Tentei novamente ter uma palavra na mente, e uma poesia na alma.
Não consegui.
Porque?

Há muito tempo tenho essa agonia… as palavras vêem,
Elas ficam martelando em minha cabeça.
Mas no final não fazem o menor sentido.

Comecei a pensar em grandes escritores, poetas, poetisas.
Como fazem para pegar aquele sentimento escondido por trás de cada palavra?
Será que é como ser um ator?
Onde se incoorpora o sentimento, e faz alguém acreditar nele?

Pensei, pensei… e  não cheguei a conclusões palpáveis.
Mas….
Conclusões palpáveis?

Minha mente agora retorna,
Se acalma,
Inspira,
E solta.

Sentimentos não são palpáveis, não há porque pensar assim.
Sentimentos não tem sentido, não há porque então uma poesia ser linear
Talvez a busca da razão para escrever
Seja o maio motivo para que eu não consiga fazê-lo.

Por: Patricia A. Bonfim
Se deseja copiar, não há problemas, mas, por favor,  referencie o autor.
Anúncios

Um comentário em “Bloqueio pela Razão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s